Grêmio Campeão do Mundo em 1983

Time posado, da esquerda para direita
Em pé: Paulo Roberto, Mazaropi, Baidek, China, Paulo César e De León
Agachados: Renato Portaluppi, Osvaldo, Tarcisio, Paulo César Lima e Mário Sérgio

Atendendo ao Pedido do Moisés da Silva da comunidade Retrato na Parede, segue no post de hoje o time do Grêmio campeão do Mundo de 1983.

Onze de Dezembro de 1983. O mundo inteiro está olhando para Tóquio. Em termos de importância, a decisão do Mundial Interclubes só perde para a final da Copa do Mundo. Milhões de espectadores acompanham o jogo pela televisão.

O Grêmio chegava a esta decisão pela primeira vez. E o adversário era o forte Hamburgo, time alemão acostumado às grandes decisões, e que tinha como principal característica a frieza e a calma ao jogar. Com este currículo, chegou ao Japão como favorito para a conquista do título.

Mas o tricolor gaúcho não se entregou e, aos 38 min do 1º tempo, Renato marcou 1 a 0 para o Grêmio. O time alemão, no entanto, também era uma equipe de raça e, faltando 4 minutos para o término da etapa complementar, mostrou que não se entregava: Schröder empatou a partida, forçando uma prorrogação.

E foi então que, mais uma vez, a estrela de Renato brilhou. O ponteiro gremista marcou logo aos 3 minutos, em jogada brilhante. Valentemente, o Grêmio segurou o resultado de 2 a 1 até o momento em que o juiz apontou o meio de campo, sagrando o Tricolor Gaúcho como Campeão Mundial Interclubes.

Os japoneses aplaudiram o time de pé, enquanto o mundo inteiro, pintado de azul, se curvava à superioridade do Grêmio. A partir daquele momento, o clube tricolor do sul do Brasil entrava para a história. Nada poderia ser maior.

FICHA TÉCNICA:
Grêmio: Mazaropi, Paulo Roberto, Baidek, De Léon, P.C. Magalhães; China, Osvaldo, P.C. Lima, Renato Portaluppi, Tarciso, Mário Sérgio
Técnico: Valdir Espinosa

Hamburgo: Stein, Wehmeyer, Jakobs, Hieronymus, Schröder, Groh, Rolff, Hartwig, Magath, Hansen, Wuttke
Técnico: Ernst Happel

FICHA DO JOGO

Estádio: Nacional
Local: Tóquio/JAP
Data: 11/12/83
Horário: 12h (Japão) - 00h (Brasil) ÁRBITRO
Michel Vautrot (FRA)

AUXILIARES
Toshikazu Sano (JAP)
Shizuhasu Nakamichi (JAP)

GOLS
Renato (GRE - 37 do 1ºT)
Schröder (HAM - 40 do 2ºT)
Renato (GRE - 03 do 1ºT - pror.)

SUBSTITUIÇÕES - GRÊMIO
Entrou Caio, saiu Paulo César Lima (25 do 2T)
Entrou Bonamigo, saiu Osvaldo (33 do 2T)

SUBSTITUIÇÕES - HAMBURGO
Não houve

CARTÕES AMARELOS
Mazaropi, Caio, Renato e De León (GRE)
Stein (HAM)

CARTÕES VERMELHOS
Não houve

PÚBLICO
Público total: 62.000

Referências:
Moisés da Silva

http://classicogrenal.wordpress.com

http://www.gremio.net

http://www.torcedor.gremista.nom.br

1 comentários:

Alberto Martins,  2 de setembro de 2009 12:51  

eu sou adepto de grâmio campeão no ano 1983,ante da minha infancia, mas também to na equipa do Arsenal como adepto deste clube juntamente com Grâmio que campiou 1983.E gostaria saber se continua jogar ou não? as ultimas palavra é continue jogar,porque eu gosto muito desta equipa.principalmente o jogador Paulo Roberto.
abraços!

Postar um comentário